Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Deixo aqui uma passagem do livro Sugar Blues, onde eu propria testei e confirmo que nunca mais sofri de dores menstruais nem o mau humor associado!

 

 

"Todas as jovens que conheço, que têm o hábito do açúcar, confessaram a mesma coisa: elas não sabem ― e nunca souberam ― o que é um período menstrual normal, sem dores, cólicas ou extremo desconforto. Não é de se estranhar que as mães introduzam suas filhas adolescentes, nos comerciais da TV, às maravilhas das drogas anti-dores "para aqueles dias muito especiais de desconforto feminino.

 


Passei a me interessar por esse assunto quando encontrei uma jovem atriz. Quando chegavam seus dias, ela começava a agir tão temperamentalmente quanto Marilyn Monroe. Quando compreendi o que a afligia, ela me contou tudo. Mostrei a ela como largar o açúcar.
Ela estava disposta e pronta a fazer qualquer coisa para aliviar os três dias de tortura que lhe ocorriam mensalmente, desde que atingira a puberdade. Seu período seguinte foi notavelmente melhor e, dentro de dois meses, havia esquecido completamente que seu período estava se aproximando, pois estava acostumada a 24 horas de dores, antes do início da menstruação.


Após esta experiência, comecei a me sentir como o Dr. Kildare.
Minha bela paciente começou a espalhar a mensagem através dos camarins e das salas de costura, de Nova York à Califórnia. Subseqüentemente, descobri que diversos médicos ― especialmente na França ― sabiam, há décadas, dos efeitos letais do açúcar no equilíbrio metabólico feminino.

 

Na revista La Vie Claire, Dr. Victor Lorec escreveu:
 
Nas mulheres, o açúcar provoca dores durante a menstruação.
Vejamos o caso de Sophie Z... Ela se acostumara a uma consumo diário de aproximadamente 100 gramas de açúcar industrial. À idade de trinta anos sua menstruação tomou-se extremamente dolorosa. Esse desconforto desapareceu completamente com a supressão, em 1911, desse "alimento assassino".
Desde essa época temos observado diversos casos análogos. É necessário que este caso seja conhecido e espalhado no exterior por aqueles que tratam de mulheres. A abstinência de açúcar livra a mulher daquilo que é conhecido como "fraqueza natural", o que equivale ao  nervosismo e incapacidade para trabalhar que, freqüentemente, resultam de uma menstruação difícil.
"

 

Páginas 243 e 244 - Sugar Blues, William Dufty 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Jorge a 15.07.2009 às 20:42

Olá! =)
Hoje o assunto não me diz respeito :P lol.. mas é para dizer que estou de volta, espero que esteja tudo bem!

bjs
Sem imagem de perfil

De Branquinha a 15.07.2009 às 21:46

Muito interessante! Li o livro e gostei muito de o fazer.
Aliás, tu hoje no comentário que deixaste no meu blogue disseste que comer doces abre-te o apetite. Concordo mm contigo, há alguns dias que ando limpa de açúcar ( só tomo adoçante no café pq é um vício) e não tenho tido nem vontades para compulsão, o que me deixa muito contente!

***

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D


Links

A Dieta

Indice

Úteis

Blogs

Pesagens

Links