18.6.11

Pistachios 100gr

 

Nozes

 

  Avelãs

 

Amendoas

 

Cajus

 

 

Castanha do Pará ( Brazilnuts)

 

Castanhas (tipo portuguesa)

 

 

Côco (parte seca)

 

 

Macadamia

 

 

Pecan

 

 

Pinhões

 

 

Pevides (sementes de abobora)

 

 

Sementes de Melancia

 

 

Fonte: http://nutritiondata.self.com

link do postPor buxi, às 09:46  Comentar

24.5.10

 

Andei a fazer esta tabela para saber as quantidades certas de vitaminas e minerais que temos de consumir por dia. A DDR (Dose Diária Recomendada) pode variar consoante o sexo, idade ou outros factores. Mas estas sao as gerais que retirei da wikipedia.

 

 

Na coluna dos Alimentos, meti os links para umas tabelas que tem os alimentos listados com as respectivas quantidades de vitaminas ou mineriais para ser mais facil ver se estamos realmente a consumir a menos ou a mais por dia.

 

 

Achei importante, porque as vezes podemos  ter problemas de saude e pode ser so falta de um determinado nutriente. Por exemplo, ontem li um artigo onde a labios gretados ou olheiras pode ser falta de ferro.

 

 

 

Minerais

DDR

Alimentos

Calcio

1000 mg

Clicar aqui para ver lista

Cobre

2 mg

Clicar aqui para ver lista

Cromio

35 ug

Clicar aqui para ver lista

Ferro

15 mg

Clicar aqui para ver lista

Fosforo

700 mg

Clicar aqui para ver lista

Iodo

150 ug

Clicar aqui para ver lista

Magnesio

400 mg

Clicar aqui para ver lista

Manganesio

2.3 mg

Clicar aqui para ver lista

Molibdenio

45 ug

Clicar aqui para ver lista

Potassio

2000 mcg

Clicar aqui para ver lista

Selenio

55 ug

Clicar aqui para ver lista

Zinco

11 mg

Clicar aqui para ver lista

 

 

Vitaminas

DDR

Top Alimentos

A

900 ug

Clicar aqui para ver lista

B1 ,Tiamina

1.2 mg

Clicar aqui para ver lista

B2

1.3 mg

Clicar aqui para ver lista

B3-PP,Niacina

16 mg

Clicar aqui para ver lista

B5- Pantoténico

5 mg

Clicar aqui para ver lista

B6

1.3 mg

Clicar aqui para ver lista

B7, B8, Biotina, H

30 ug

Clicar aqui para ver lista

B9 - Acido Folico

400 ug

Clicar aqui para ver lista

B12

2.4 ug

Clicar aqui para ver lista

C

90 mg

Clicar aqui para ver lista

D

200 UI

Clicar aqui para ver lista

E

15 UI

Clicar aqui para ver lista

K

120 ug

Clicar aqui para ver lista

 

Encontrei também esta calculadora de nutrientes online onde se podem somar os alimentos todos que comemos e verificar a totalidade dos nutrientes. Depois é uma questão de comparar com as tabelas que deixei aqui e ver se realmente estao a comer a DDR de vitaminas e sais minerais.

 

 


19.5.10

Para quem não leu o post anterior clique aqui: Tahini - Parte 1

 

Já experimentei, correu melhor do que estava a espera, mas tem um sabor forte. No entanto, tive de fazer umas alterações. Isto porque nao tostei as sementes de Sésamo e talvez por isso tenha tido dificuldade em desfaze-las.

 

 

Como ontem fui comprar as sementes, aproveitei e comprei tambem pevides, das descascadas sem sal, pois  tem 500 mg  magnesio por 100gr , o equivalente a 20 bananas pequenas! Potente!

 

Primeiro, comecei so por meter as de sésamo com um pouco de agua, mas estava dificil de desfazer então acrescentei uma colher pequena de oleo e tambem nao adiantou muito porque as sementes ficavam por baixo da lamina da picadora.

 

Entao acrescentei as pevides por serem maiores e um pouco mais de agua e la se desfez tudo.

 

 

Depois meti um pouco de maçã para dar mais sabor e umas gotas de lima para cortar o sabor forte. So vos digo que eche bastante! O sabor é neutro, nem e mau nem é bom. Se tivesse metido mais maçã possivelmente saberia mais as tradicionais papas.

 

Bem, hei de tentar fazer de outras maneiras, mas esta já deu para comer um pequeno almoço cheio de calcio e magnésio!:D

 

As sementes de abobora (as pevides), comem-se bem sozinhas, o problema é que apesar de terem muito magnesio, tem pouco calcio( 40 mg por 100gr), dai tentar compensar com as de sesamo (que tem 975 mg por 100gr!).

 

Como fiquei curiosa com as sementes de Aipo que estavam no topo desta lista de alimentos com mais calcio, com 1700mg de calcio por 100gr!!( isto é quase beber quase dois litros de leite!), nao resisti e comprei tambem (esta mesmo da imagem que em ingles é Celery Seeds). Mas o sabor é muito forte, so consegui comer mesmo um pouquito.

 

 

 

Eu tirei umas fotos, mas nao sei onde meti o cabo, quando achar meto aqui neste post.


18.5.10

 

Como falei no ultimo post, as sementes de sésamo tem muito calcio. Mas muitas vezes quando comemos coisas com fibra, ela por vezes sai pelo sitio que nos sabemos, por isso, tem de se mastigar muito bem as sementes de Sesamo de modo a que o calcio sejam absorvido.

 

 

O problema está no facto das sementes de sésamo serem muito pequenas e por isso difícil de se tricarem. Então pesquisei na internet uma receita em que se desfizessem e encontrei uma  bastante usada no Médio Oriente de nome "Tahine" ou "Tahini". Parece um género de creme.

 

É basicamente uma pasta feita a base de sementes de sésamo triturados com adição de óleo. Eu vou experimentar fazer, mas adicionar agua em vez de óleo para não ficar tão calórico. Isto se ficar bom vou tentar comer ao pequeno-almoço.

 

Já imaginaram o que é comer um alimento ao pequeno almoço que tem tanto cálcio como 9 copos de leite? As necessidades diárias de cálcio sao de 1000 mg, praticamente os tais 9 copos de leite que com dificuldade se conseguem beber. As sementes de Sésamo tem a vantagem de não ter colesterol que o leite tem, além de terem toneladas de  magnésio, muito importante para o nosso bem estar.

 

Deixo aqui então aqui o vídeo da receita e em breve vou experimentar fazer em casa :D

Há que experimentar coisas novas se elas nos trazem benefícios ;)

 

 

 

Ler o post seguinte: Tahini - Parte 2

 

 

 


7.3.09

Artigo escrito por Dr. Márcio Bontempo Livro "Relatório Orion" 

 

 

Sabemos bem que o açúcar é o principal representante da alimentação industrializada moderna. Temos consciência de que 85 por cento das doenças modernas são provocadas pela poluição alimentar e por uma nutrição desequilibrada.

 

Por ser considerado então como um produto antibiológico, ou antivida”, ele está diretamente ligado à causa ou à colaboração para o surgimento de várias doenças, como a arteriosclerose, o câncer, a leucemias, o diabetes, as varizes, as enxaquecas, as distonias neuro-vegetativas, insônia, asma, bronquite, distúrbios menstruais, infecções, pressão alta, prisão de ventre, diarréias crônicas, perturbações e doenças visuais, problemas de pele, distúrbios glandulares, anomalias digestivas variadas, cáries dentárias, problemas de crescimento, osteoporose, ossos fracos, doenças do colágeno, doenças de auto-agressão etc.

 

Podemos considerar também o açúcar como cancerizante, pois é imunodepressor, quer dizer, faz diminuir a capacidade do organismo quanto às suas defesas e principalmente por eliminar o importante íon magnésio, devido à forma excessiva como é consumido hoje.

A incidência do câncer de mama pode variar consideravelmente de um país para outro. Muito rara no Japão, por exemplo, a doença torna-se comum entre as japonesas que imigram para os Estados Unidos.

 

Depois de estudar diversos fatores que explicassem o fenômeno, os cientistas Stephen Seely, da Universidade de Manchester, na Inglaterra, e D. F. Horrobin, do Instituto e Pesquisa Efamol, de Kentville, no Canadá, concentram suas atenções num deles, a alimentação – e, em  artigo publicado na última edição da revista inglesa New Scientist, levantaram a hipótese de que uma das causas do câncer de mama possa ser o açúcar.

 

Seely e Horrobin compararam os índices de consumo per capita de açúcar e as taxas de mortalidade por câncer de mama em vinte dos  países mais ricos do mundo. Revelou-se que as nações que mais comem açúcar são exatamente as que apresentam mais óbitos – por ordem decrescente, a Grã-Bretanha, a Holanda, a Irlanda, a Dinamarca e o Canadá.

Os cientistas avançam uma explicação para as propriedades cancerígenas das sobremesas. Uma parte da glicose contida no açúcar – cerca de 30 por cento – vai direto para a corrente sanguínea.

 

 

Para fazer face e esse súbito aumento da taxa de glicose no sangue, o pâncreas produz mais insulina, o hormônio encarregado de queimar açúcar. O tecido mamário depende desse hormônio para crescer. O mesmo acontece com as células do câncer de mama. Seely e Horrobin supõem que a inundação do seio pela insulina, em seguida à ingestão de açúcar, criaria assim as condições ideais para o surgimento do tumor.

 

Ler artigo completo

 

 

 

 

 

 

 



RSS

Pesquisa de artigos :
 







livro gratis sugar blues em portugues

livro gratis sugar blues em portugues

livro gratis sugar blues em portugues




Arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Visitas